Cuba de ultrassom

Cuba de ultrassom

Gemoro 0902 super concentra…

A limpeza ultra-sônica é um processo que utiliza ultra-som (geralmente de 20-40 kHz) para agitar um fluido. O ultra-som pode ser usado apenas com água, mas o uso de um solvente apropriado para o objeto a ser limpo e o tipo de sujeira presente aumenta o efeito. A limpeza normalmente dura entre três e seis minutos, mas também pode exceder 20 minutos, dependendo do objeto a ser limpo[1].

Os mecanismos de superfície da limpeza ultra-sônica são bem compreendidos, com muitos trabalhos dedicados a esta ciência desde que o primeiro equipamento comercial de limpeza ultra-sônica surgiu nos anos 50, e entrou em uso como eletrodomésticos relativamente baratos por volta de 1970.[3] A limpeza ultra-sônica tem sido usada industrialmente por décadas, particularmente para limpar pequenas peças intrincadas, e para acelerar processos de tratamento de superfície[4].

Não se deve permitir que os objetos descansem no fundo do dispositivo durante o processo de limpeza, pois isso evitará que ocorra cavitação por parte do objeto que não esteja em contato com o solvente[2].

Grau industrial 160 watts 2,5…

Como funciona um limpador ultra-sônico? A limpeza por ultra-som funciona através de ondas sonoras de alta freqüência transmitidas por líquido para esfregar a superfície das peças imersas. As ondas sonoras de alta freqüência, tipicamente 40 kHz, agitam a solução líquida de água ou solvente e causam a cavitação das moléculas da solução.

Pense em bolhas de ar.  A cavitação forma “bolhas” quando a energia sônica cria um vazio (ou cavidade) que fica presa como uma bolha em uma solução líquida de água ou solvente. Estas bolhas microscópicas implodem com tal força que os contaminantes aderidos às superfícies são desalojados. Máquinas de limpeza ultrassônicas limpam as superfícies através de implosões de pequenas bolhas.

A limpeza por ultra-som é adequada para limpar uma grande variedade de materiais, incluindo metais, vidro, borracha, cerâmica e alguns plásticos duros. A limpeza por ultra-som é especialmente útil para remover contaminantes bem aderidos de itens intrincados com furos cegos, rachaduras e reentrâncias. Exemplos de contaminantes removidos por limpeza ultra-sônica incluem poeira, sujeira, óleo, graxa, pigmentos, agentes de fluxo, impressões digitais e composto de polimento.

Dentronix 1,25 galão biosônico u…

A limpeza por ultra-som é um processo que utiliza ultra-som (geralmente de 20-40 kHz) para agitar um fluido. O ultra-som pode ser usado apenas com água, mas o uso de um solvente apropriado para o objeto a ser limpo e o tipo de sujeira presente aumenta o efeito. A limpeza normalmente dura entre três e seis minutos, mas também pode exceder 20 minutos, dependendo do objeto a ser limpo[1].

Os mecanismos de superfície da limpeza ultra-sônica são bem compreendidos, com muitos trabalhos dedicados a esta ciência desde que o primeiro equipamento comercial de limpeza ultra-sônica surgiu nos anos 50, e entrou em uso como eletrodomésticos relativamente baratos por volta de 1970.[3] A limpeza ultra-sônica tem sido usada industrialmente por décadas, particularmente para limpar pequenas peças intrincadas, e para acelerar os processos de tratamento de superfície[4].

Não se deve permitir que os objetos descansem no fundo do dispositivo durante o processo de limpeza, pois isso evitará que ocorra cavitação por parte do objeto que não esteja em contato com o solvente[2].

Maquinaria central 2,5 litros ul…

A limpeza ultra-sônica é um processo que utiliza ultra-som (geralmente de 20-40 kHz) para agitar um fluido. O ultra-som pode ser usado apenas com água, mas o uso de um solvente apropriado para o objeto a ser limpo e o tipo de sujeira presente aumenta o efeito. A limpeza normalmente dura entre três e seis minutos, mas também pode exceder 20 minutos, dependendo do objeto a ser limpo[1].

Os mecanismos de superfície da limpeza ultra-sônica são bem compreendidos, com muitos trabalhos dedicados a esta ciência desde que o primeiro equipamento comercial de limpeza ultra-sônica surgiu nos anos 50, e entrou em uso como eletrodomésticos relativamente baratos por volta de 1970.[3] A limpeza ultra-sônica tem sido usada industrialmente por décadas, particularmente para limpar pequenas peças intrincadas, e para acelerar processos de tratamento de superfície[4].

Não se deve permitir que os objetos descansem no fundo do dispositivo durante o processo de limpeza, pois isso evitará que ocorra cavitação por parte do objeto que não esteja em contato com o solvente[2].

Esta web utiliza cookies propias y de terceros para su correcto funcionamiento y para fines analíticos y para fines de afiliación y para mostrarte publicidad relacionada con sus preferencias en base a un perfil elaborado a partir de tus hábitos de navegación. Al hacer clic en el botón Aceptar, acepta el uso de estas tecnologías y el procesamiento de tus datos para estos propósitos. Más información
Privacidad