Célula de peltier

Célula de peltier

12v 60w tec1-12706 tec peltie…

Este artigo precisa de citações adicionais para verificação. Por favor, ajude a melhorar este artigo adicionando citações a fontes confiáveis. Material sem recursos pode ser contestado e removido. Encontre fontes:  “Thermoelectric cooling” – news – newspapers – books – scholar – JSTOR (julho 2015) (Saiba como e quando remover esta mensagem modelo)

O resfriamento termoelétrico utiliza o efeito Peltier para criar um fluxo de calor na junção de dois tipos diferentes de materiais. Um resfriador, aquecedor ou bomba de calor termoelétrica Peltier é uma bomba de calor ativa de estado sólido que transfere calor de um lado do dispositivo para o outro, com consumo de energia elétrica, dependendo da direção da corrente. Tal instrumento também é chamado de dispositivo Peltier, bomba de calor Peltier, refrigerador de estado sólido ou termoelétrico (TEC) e, ocasionalmente, uma bateria termoelétrica. Pode ser usado tanto para aquecimento quanto para resfriamento[1], embora na prática a principal aplicação seja o resfriamento. Também pode ser usado como controlador de temperatura que aquece ou resfria.

Elemento peltier

Os elementos Peltier, que também são chamados de módulos termoelétricos ou TEC, são uma bomba de calor operada eletricamente. Aqui, a energia na forma de calor é transferida de um lado do módulo para o outro lado e tem que ser dissipada ali. O módulo Peltier é baseado no chamado efeito Peltier que descreve o quase-inverso do efeito Seebeck. O efeito Peltier afirma que a energia pode ser transportada na forma de calor por um fluxo de corrente em um semicondutor, o que cria uma diferença de temperatura. O efeito Seebeck significa que um fluxo de corrente é obtido quando uma diferença de temperatura é aplicada a um semicondutor. O efeito Seebeck é usado para medir a temperatura ou para colher energia elétrica. O elemento Peltier é uma bomba de calor, que se baseia no transporte de corrente elétrica em um semicondutor.

Efeito peltier

Os módulos Peltier ou resfriadores termoelétricos (TEC) são basicamente bombas de calor termoelétricas. Isso significa que, ao fornecer energia elétrica, o calor pode ser transportado contra seu gradiente natural, de um lado do módulo Peltier onde o calor é absorvido para o outro lado, onde o calor é liberado. Assim, é possível utilizar estes módulos de peltiers para aplicações de aquecimento ou resfriamento. Este comportamento é definido pela direção da corrente. Teoricamente, a diferença de temperatura pode ir até 73K para um elemento simples e até mais de 100K para elementos multiníveis.

Em geral, os módulos peltier são utilizados onde quer que seja necessário resfriamento com uma pequena diferença de temperatura, controle preciso e comportamento dinâmico. A aplicação dos módulos Peltier é muito diversificada, começando pela tecnologia de análise complexa no campo da medicina até sensores CCD sensíveis à luz e aplicações de resfriamento móvel.

O nome, assim como a funcionalidade dos módulos Peltier vieram do chamado efeito Peltier, que faz parte da termoeletricidade. Estes incluem vários efeitos físicos nos quais fenômenos térmicos e elétricos influenciam uns aos outros.

Termoele de alta potência… mo… mais frio…

Elementos Peltier / resfriadores termoelétricos (TECs) são bombas de calor que transferem calor de um lado para o outro, dependendo da direção da corrente elétrica. Os controladores TEC são usados para acionar os elementos Peltier. Este artigo explica como funcionam os elementos Peltier / resfriadores termoelétricos, descreve as características e menciona os fabricantes dos elementos Peltier.

Dependendo da direção do fluxo de corrente contínua, é possível resfriar e aquecer com os elementos Peltier sem alterar os conectores ou a configuração mecânica. Outras vantagens são que pequenos projetos podem ser realizados e não há peças móveis. A corrente fornecida para o elemento Peltier é controlada por um controlador TEC.

Gama de tamanhos: 1 mm x 1 mm até 60 mm x 60 mm Formulários: Formulários quadrados, em forma de anel, multi-estágio, singlestage, selados ou não selados, personalizadosFaixa de temperatura: Diferença de temperatura dTmax até 130 °C (Multiestágio), temperatura máxima até 200 °CCapacidade máxima de refrigeração: até 290 W

Os parâmetros Qmax e dTmax são figuras teóricas e são usados para descrever o comportamento dos elementos Peltier. Entretanto, esses valores máximos nunca são alcançados em uma aplicação termoelétrica. Eles são fornecidos pelo fabricante para caracterizar o desempenho do módulo Peltier.

Esta web utiliza cookies propias para su correcto funcionamiento. Al hacer clic en el botón Aceptar, acepta el uso de estas tecnologías y el procesamiento de tus datos para estos propósitos. Más información
Privacidad